Você sabe o que é e para que servem os selantes na construção?


Os selantes são materiais impermeabilizantes utilizados na Construção Civil de forma a selar as juntas de fachadas e pavimentos entre os mais diversos materiais para garantir a estanqueidade e comportamento mecânico dos mesmos. Também é bastante utilizado na recuperação de uma estrutura deteriorada, no preenchimento de fissuras de pequeno porte (RIBEIRO, 2006).


Em sua composição encontram-se polímeros, cargas (fillers), pigmentos e aditivos modificadores de suas propriedades.


Os selantes são encontrados no mercado em forma de produto monocomponente ou bicomponente, os quais polimerizam pela ação de agente endurecedor, também chamado de catalisador.


Na fase de projeto é realizada a escolha do tipo de selante a ser utilizado em obra de acordo com as características de cada edificação e o tipo de aplicação mais adequado. Nas juntas das fachadas, os tipos de selantes mais usados são:


• Poliuretanos: produtos à base de polímeros sintéticos, produzidos pela reação de poliol e isocianato


• Silicones: produtos à base de silício e os de cura neutra são os adequados


• Silicones híbridos: produtos à base de poliéster com terminações de silano


Os selantes podem ser classificados tendo em conta a capacidade de absorver as movimentações estruturais em situações em que a fachada está sujeita a diversos agentes agressivos, como em fachadas à beira mar.


As juntas de movimentação possuem a função de absorver deformações da estrutura e variações térmicas e higroscópicas dos materiais utilizados em uma fachada. Segundo Ribeiro (2006), as juntas são caracterizadas por serem aberturas existentes nos revestimentos que são preenchidas com selantes, procurando atender às seguintes funções:


• Evitar a passagem de ar, água ou sólidos para o interior da edificação;


• Permitir as movimentações de retração causadas por hidratação do cimento, expansão, variação térmica, vibração etc.;


• Atenuar a transferência de esforços ou de tensões;


• Acomodar pequenas variações dimensionais toleradas em projeto;


• Acomodar movimentações entre materiais de diferentes naturezas;


• Permitir mudanças de planos de fachada;


• Impedir a intrusão de sólidos.


Segundo Ribeiro (2006), as juntas de uma fachada devem cumprir as suas funções, sendo que devem constar em projeto as informações:


• Definição dos tipos de juntas a serem preenchidas com selantes


• Dimensionamento das juntas, indicando abertura e profundidade


• Indicação do tipo de selante, de forma a atender às solicitações impostas à junta – deve abranger a capacidade de movimentação do selante, módulo de elasticidade, dureza, fator de forma, compatibilidade com o substrato e necessidade de primer


• Indicação do corpo de apoio quanto ao tipo, às dimensões e ao posicionamento


• Definição do método de preenchimento da junta – este serviço deve ser realizado por mão de obra especializada e com base nas instruções dos fabricantes do produto, para que seja obtido o desempenho especificado.


Fonte: https://siteantigo.portaleducacao.com.br/conteudo/artigos/engenharia/voce-sabe-o-que-e-e-para-que-servem-os-selantes-na-construcao/50815#

8 visualizações0 comentário