Conforto Térmico

Atualizado: 12 de Mar de 2019


Mais um verão chegou e, como sempre, temos a sensação de que as temperaturas estão cada vez mais altas. Com o aumento da temperatura vem associado, também, o aumento da sensação térmica, que nesse verão de 2019 foi uma das mais altas da história, atingindo, no Rio de Janeiro, temperaturas acima de 53ºC.


Todo esse calor acaba afetando e muito o nosso conforto térmico, prejudicando não só as nossas noites de sono, como também, nosso desempenho ao longo do dia, seja em atividades intelectuais seja em atividades físicas.

Por tudo isso, nos vemos cada dia mais presos a ambientes fechados e climatizados artificialmente. No primeiro momento esse artifício pode ser uma ótima solução, porém, como o passar do tempo pode causar danos à saúde (por falta de circulação de ar e acúmulo de poeiras e ácaros) além, é claro, do aumento dos custos do imóvel pelo uso constante de energia elétrica para o funcionamento dos climatizadores.


Existem, porém, outras formas de proporcionar o conforto térmico tão desejado. Listamos abaixo alguns dos materiais que podemos utilizar para proporcionar uma temperatura mais agradável sem o uso de ar condicionado.



1) Subcoberturas


As Subcoberturas são mantas de polietileno colocadas abaixo de telhas ou sob a coberturas e possuem pelo menos uma face de alumínio. Esse material age como uma barreira para a transmissão de calor do telhado ou da cobertura para as estruturas abaixo, reduzindo consideravelmente a passagem de calor. A sua face aluminizada ainda promove a reflexão e emissão da radiação reduzindo ainda mais a sensação térmica de calor.


2) Isopores


No mercado são vendidos dois tipos de Isopores que proporcionam uma melhora no conforto térmico: XPS e EPS. De uma forma geral esses dois materiais são utilizados para a mesma função, se diferenciando, apenas no que diz respeito à permeabilidade do produto (o XPS é mais impermeável, portanto mais indicado para locais expostos). Esses produtos podem ser aplicados em paredes ou abaixo das coberturas e telhados.


3) Vermiculita


A Vermiculita é um mineral em formato de flocos que tem como função “aprisionar” células de ar internamente. Essa propriedade dificulta a condução do calor pela estrutura. São, normalmente, colocadas junto com o traço do reboco ou do contrapiso.









4) Lã de Vidro e Lã de Rocha


Tanto as mantas de Lã de Vidro quanto as de Lã de Rocha são feitas de fibras, fator que dificulta a propagação do calor através da estrutura que são aplicados. Geralmente colocados em telhados e paredes (principalmente de Drywall).




5) Argila Expandida


As Argilas Expandidas são pequenas esferas cerâmicas produzidas através da queima da argila, formando pequenas bolsas de ar internamente. Essas bolsas de ar dificultam a passagem do calor no ambiente. Costumam ser colocados nas coberturas de lajes, sobre os telhados ou em projetos de jardinagem, como os telhados verdes.


Todos os materiais citados são extremamente eficazes na redução da propagação do calor e, consequentemente, melhoria no conforto térmico. O que vai determinar qual deverá ser utilizado é: onde esse material será aplicado e a disponibilidade de obra ou reforma do local.


Um ponto a se destacar é que o investimento econômico. A opção pelo uso desses materiais e não dos tradicionais climatizadores é rapidamente paga pela economia de energia diária. Isso sem mencionar nos ganhos à saúde que essa mudança irá proporcionar a quem habita o imóvel.


Se interessou pelos nossos métodos alternativos de melhoria do seu conforto térmico? Entre em contato conosco. Nós podemos te ajudar a escolher o material mais eficaz para a sua situação.

0 visualização

+55-21-2622-1993

/

+55-21-99290-4251

whatsapp-transparente.png
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca Ícone LinkedIn

Clique aqui para receber nossas notícias e promoções