EPS / XPS

São placas leves, isolantes térmicas, com alta capacidade de resistência a proliferação de microrganismos, boa resistência à umidade e à gordura, além de serem recicláveis. 

A principal diferença entre os dois materiais é com relação ao seu processo de produção. Isso porque a forma que é produzida resulta no grau de coesão das partículas e, consequentemente, na permeabilidade do produto final.

O EPS é produzido a partir de pequenos flocos que passam por um processo de expansão por alta temperatura. Visualmente são observadas as típicas bolinhas unidas por toda a sua extensão. Esse material possui uma alta permeabilidade. Isso porque a água consegue passar facilmente nos espaços entre as “bolinhas”. Por causa disso, esse tipo de Isopor não deve ser usado em locais expostos.

Já o XPS, por sua vez, é obtido por meio de um processo de extrusão, onde são aplicados gases expansores. Nesse caso só conseguimos visualizar uma aparência uniforme e células bem fechadas, fato que dificulta a passagem de água. Por causa disso esse material é considerado impermeável, podendo ser utilizado em locais expostos a qualquer tipo de líquido.

Para maiores informações entre em contato com a nossa equipe técnica. Aproveite para conhecer todos os nossos produtos e solicitar o seu orçamento.

The Maine Lobstr Festival.png
EPS T1
EPS T1
EPS T2
EPS T2
EPS T3
EPS T3
EPS T4
EPS T4
EPS T5
EPS T5
XPS (20mm, 25mm, 30mm)
XPS (20mm, 25mm, 30mm)
Dryko - Drykofoam Extrudado
Dryko - Drykofoam Extrudado
Dryko - Drykofoam
Dryko - Drykofoam